CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE COMEÇA NA SEGUNDA-FEIRA (23)

Profissionais de todas as 28 Unidades Básicas de Saúde participam hoje (19) de uma capacitação sobre a vacina

Postada em 19 abr 2018

Começa na próxima segunda-feira (23) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. As doses estarão disponíveis gratuitamente em todas as 28 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Foz do Iguaçu até o dia 1º de junho. Hoje (19), durante todo o dia, profissionais das unidades participam de uma capacitação no auditório da Vigilância Epidemiológica, na Vila Yolanda.

A coordenadora do Programa de Imunização da Secretaria Municipal da Saúde, Adriana Izuka e o responsável pela Vigilância Epidemiológica, Roberto Doldan conduzem as explicações a cerca dos grupos de risco, as contraindicações e estratégias da campanha.

O objetivo da vacinação é reduzir a mortalidade, as complicações e as internações decorrentes das infecções pelo vírus da influenza, na população alvo definida. A meta é vacinar pelo menos 90% de 65.199 pessoas, que representam os grupos de risco.

Devem receber a vacina: Crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos 11 meses e 29 dias); trabalhadores da saúde; gestantes; puérperas (mulheres em período pós parto); indígenas; idosos; doentes crônicos; professores; funcionários do sistema prisional e pessoas privadas de liberdade.

“Historicamente as coberturas de vacinação da Influenza são boas, mas precisamos ter um olhar especial para os grupos das gestantes, puérperas e crianças de 6 meses a menores de 5 anos. As unidades já estão levantando estes grupos para poder captar e melhorar essa cobertura”, adiantou Roberto.

Documentação
Para receber a vacina, é necessário apresentar um documento de identificação e carteira de vacina. Os professores da Rede Pública ou Particular de Ensino devem apresentar juntamente com o documento de identificação, a declaração da instituição de ensino em que trabalha, a qual deverá ser apresentada e retida no ato da vacinação. “Esse procedimento é adotado pelo Ministério porque os professores são um grupo novo. Eles entraram no esquema de vacinação no ano passado, e por isso é preciso comprovar a atuação”, explicou Doldan. Pessoas portadoras de comorbidades precisam apresentar a prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina.

Proteção
A vacina protege contra três tipos de vírus da gripe: o Influenza A, nas variações H1N1 e H3N2 e influenza B. “Ela protege contra os vírus que mais circulam na cidade e causam internações” lembra o responsável da Vigilância Epidemiológica. “A Vacina é o método mais eficaz de prevenir algumas doenças, inclusive algumas já foram eliminadas do nosso meio através da vacinação. Vale lembrar ainda que a pessoa que se vacina, protege também as demais, que não fazem parte dos grupos de risco”, completou Doldan.

Números
De janeiro até agora, foram registrados 17 casos de Influenza em Foz do Iguaçu, 3 de H1N1, 7 de H3N2 e 7 de Influenza B. Um óbito ocorreu no dia 25 de março. O idoso tinha 69 anos, era paciente oncológico, ex-tagabista e não havia tomado a vacina contra gripe.

No ano passado foram registrados 89 casos de Influenza e 12 óbitos (6 por H3N2 e 6 Influenza B). Dos 12 pacientes vítimas da gripe, 11 tinham fatores de risco, como idade avançada e outras comorbidades, e 10 não tomaram a vacina. Em 2016, Foz registrou 27 mortes por Influenza.

Contraindicações
A vacina é contraindicada para crianças menores de 6 anos e pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores, bem como a qualquer componente da vacina ou alergia comprovada grave relacionada a ovo de galinha e seus derivados. Em doenças febris moderadas ou graves recomenda-se adiar a vacinação até a resolução do quadro.

Serviço
A vacina estará disponível a partir do dia 23 de abril em todas as UBSs, de segunda a sexta-feira, conforme horário de atendimento das salas de vacina, disponível no site: www.saudefoz.com.br. No dia 12 de maio (Sábado) acontece o “Dia D” de mobilização nacional, com a abertura das unidades das 8h as 17 horas.
AMN

CONFIRA A REPORTAGEM EM ÁUDIO

Comentar


Publicidade